Flashback Zone: American Dreams (2002-2005)

Oi pessoal! Boa noite. Hoje mais uma vez com o flashback Zone!, quero falar hoje de uma série que parecia ter uma pitada de novela brasileira devido ao ritmo da trama, era muito legal de acompanhar. Alguns anos atrás foi exibida pelo extinto Animax, pude acompanhar por lá e sinto muita falta. Enfim, vamos lá! Relembrar esse clássico da televisão norte-americana.

Situada no início dos anos 60, mais precisamente em 1963, ano do assassinato do presidente americano John Kennedy, a série apresenta as vidas dos membros da família Pryor: centrada na personagem Margaret Pryor, interpretada por Brittany Snow, acompanhamos seu dia-a-dia como estudante que sonha em se tornar dançarina no popular programa de TV da época, “American Bandstand”.


Brittany Snow interpretou Meg (Reprodução)

Enquanto isso, seu irmão mais velho luta no Vietnã e também contra a vontade do pai que deseja determinar seu futuro. Já os pais vivem as transformações da época, sociais e econômicas, as quais derrubam tudo aquilo que lhes foi ensinado quando eram crianças e jovens.

Os anos 60 correm soltos em torno dessa família, com a revolução cultural, a guerra do Vietnã, o rock´n´roll, as drogas, os preconceitos raciais e sexuais, bem como o clima político. A primeira temporada ocorre entre 1963 e 1964; a segunda entre 1964 e 1965 e a terceira entre 1965 e 1966.

Elenco principal (Reprodução)

Tendo ao fundo as clássicas músicas dos anos 60, “American Dreams” mostra o período mais inocente dos EUA através da jovem família Pryor, que vive na Filadélfia, e que tenta atravessar a turbulência cultural e se adaptar aos novos comportamentos da época.

Assim, Meg, a filha adolescente da família, tenta lutar contra a sua imagem de “boa garota” quando ela e sua melhor amiga Roxanne, passam por várias experiências das quais irão se lembrar pelo resto de suas vidas.

O novo comportamento de Meg é acompanhado por sua mãe, Helen, e pelo patriarca da família, Jack Pryor, que vê essas novas influências como uma maneira de quebrar as estruturas tradicionais de sua família.

JJ Pryor é o outro filho adolescente da família, que se sente reprimido com as imposições de seu pai, que sonha em ver seu filho jogar futebol americano na equipe do Notre Dame. Completam essa família o caçula Will e a jovem Patty.

A trama conta ainda com Henry, o empregado da loja de eletrônicos de Jack Pryor, e seu filho Sam. Tudo isso sobre os olhos daqueles que testemunharam as lutas pelas mudanças dos direitos civis durante os anos 60.

“American Dreams” ganhou dois prêmios técnicos no Emmy, além de ter sido eleita a Melhor Série Drama do Family Television Awards.

Poster/Divulgação

A série foi criada por Jonathan Prince, foi ao ar na NBC de 2002 a 2005 com três temporadas, sendo produzidos 61 episódios.

Além de Brittany Snow, também no elenco estão Gail O’Grady, Tom Verica, Will Estes, Sarah Ramos, Ethan Dampf, Jonathan Adams, Rachel Boston, Vanessa Lengies, Milo Ventimiglia, entre outros. 

A série era impressionante. A produção impecável, elenco muito cativante, a cada episódio ficava mais interessante de acompanhar. A série contou com inúmeras participações de artistas. Teve poucas temporadas, porém já foi muito para se tornar memorável. Infelizmente no Brasil a série não teve muito reconhecimento. Foi exibida a princípio no Canal Sony e depois no extinto Animax (onde pude acompanhar).

Abertura da série:


O cantor da música-tema da série, Emerson Hart, ganhou o prêmio de Best Theme Song of Television in 2003 (Melhor Música-Tema na TV de 2003) devida à música-tema do seriado: Generation.

Isso é tudo!
Flashback Zone: American Dreams (2002-2005) Flashback Zone: American Dreams (2002-2005) Reviewed by Walter Segundo on 17:37 Rating: 5

Nenhum comentário

Latest in Sports

Na minha playlist, interativo, top 10